Visão geral sobre risk assessment

Este subtópico trata do compliance risk assessment, etapa fundamental para o estabelecimento de um programa efetivo de compliance, e que tem como foco os riscos associados ao não cumprimento das leis, regulamentações e normas. Aborda a preparação dessa etapa através da definição do escopo e do universo de risco, da elaboração do plano de levantamento, definição do dicionário de riscos, matriz de risco, análise dos normativos, comunicação para os envolvidos, além do mapeamento, da elaboração do mapa de riscos (heat map), do sumário executivo e do monitoramento periódico.

Notas Práticas

1.Preparação para o risk assessment

Esta Nota Prática trata da etapa de preparação do risk assessment, pois a definição do que será feito e da abrangência dos trabalhos alimentará o plano de levantamento a ser executado. São abordados os seguintes pontos: definição do escopo – que abrange temas como a equipe a ser alocada, geografias, atividades, prazo e produtos a serem entregues, que são matriz de risco, mapa de risco, plano de ação, entre outros –, e o universo de risco, que envolve a definição das áreas de compliance que farão parte do escopo.

2.Normativos e pessoas no risk assessment

Esta Nota Prática trata da elaboração do plano de levantamento de normativos e pessoas. Na análise de normativos aborda os documentos que devem ser solicitados antecipadamente, tais como organograma, Código de Ética e Conduta, política de compliance, e o que deve ser contemplado. Já na seleção dos profissionais da organização que devem ser ouvidos a respeito dos riscos de compliance, é abordado como fundamental o convite prévio e o bloqueio da agenda dos participantes, e a importância da comunicação para os envolvidos, além dos critérios de definição dos participantes.

3.Dicionário e matriz de risco

Esta Nota Prática trata da definição de dicionário de riscos (termo técnico utilizado na área de gestão de riscos) e da matriz de risco, e apresenta um exemplo de dicionário associado a um modelo de riscos. O dicionário serve de balizador no preenchimento da matriz de risco, sendo útil também para orientar o entrevistado sobre quais questões são relevantes para o mapeamento e para nortear o entrevistador sobre a devida abrangência de suas perguntas, servindo de base para a classificação e a priorização dos riscos levantados.

Ver todos
Link para o infográficoVeja Infográfico de Risk assessment em Infográfico
IN

Veja Infográfico de Risk assessment

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso ao Lexis 360

Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.