Todos os resultados - Lexis 360
Assine
  1. Resultado de Busca
  2. Notícias
Ordenar por:

Notícias

A Suzano Papel e Celulose e a Fibria avaliam trocar ações e dinheiro em uma eventual fusão entre as companhias, informou o jornal O Estado de S. Paulo. Um dia depois de a dupla de gigantes do setor de celulose admitir conversas “preliminares” para uma combinação de negócios (leia mais sobre os fatos relevantes acerca do caso aqui), o jornal relatou que os bancos Bradesco BBI e Itaú BBA foram contratados pela Suzano para fornecer crédito, enquanto a Fibria conta com a assessoria do Morgan Stanley.

20/02/2018 15h54

A Triunfo Participações e Investimentos informou na última sexta-feira (16) que pagará dividendos referentes a 2015, graças à revogação de uma liminar que impedia a remuneração. A decisão foi tomada pela 2ª Vara de Falências e Recuperações Judiciais da Comarca de São Paulo, logo após o plano de recuperação extrajudicial da companhia ser homologado. O pagamento deve acontecer na próxima sexta-feira (23) e o valor atualizado para cada ação ficou em R$ 0,26.

19/02/2018 15h12

O mês de janeiro de 2018 apresentou uma queda no volume e no valor de operações de M&A registradas pelo Transacional Track Record (TTR). Segundo o relatório da consultoria (acesse o documento aqui), 56 deals foram anunciados no primeiro mês do ano. O número é 28,21% menor do que o registrado no mesmo período do ano passado. O valor contabilizado em 23 operações cuja informação foi revelada chegou a R$ 7,09 bilhões, uma redução de 67,04% em relação a janeiro de 2017.

16/02/2018 08h49

A Danone quer vender parte de sua participação de 21,29% na japonesa Yakult. A decisão foi anunciada pela companhia francesa na última quarta-feira (14) como uma “nova fase” em sua parceria estratégica com a fabricante de bebidas lácteas probióticas e o desinvestimento deve acontecer  junto a um programa de recompra de ativos anunciado pela japonesa.

15/02/2018 15h37

Em paralelo ao interesse pelo segmento de jatos de até 150 lugares, a eventual parceria entre Boeing e Embraer atenderia o interesse da fabricante americana pela verticalização de sua produção. Segundo reportagem publicada pelo jornal Valor Econômico, a companhia pretende trazer para debaixo do seu guarda-chuva a fabricação de peças que atualmente são fornecidas por terceiros.

09/02/2018 15h41

Enquanto os relatos sobre os bastidores das negociações entre Boeing, Embraer e o governo brasileiro reforçam a hipótese de formação de uma joint venture, a realização de um drop down pela fabricante brasileira surge como uma das possibilidades para viabilizar o negócio. A manobra, pouco comum no mercado nacional, permitiria a transferência de bens da Embraer para uma nova sociedade, mas precisaria do aval do conselho de administração da empresa e questões ligadas à propriedade intelectual e desenvolvimento de tecnologias ainda não estão bem acomodados.

09/02/2018 08h18

Dando sequência ao plano de expansão de seus contratos de concessão de rodovias, a Ecorodovias venceu o leilão para administrar um lote de estradas em Minas Gerais. A companhia alcançou o primeiro lugar da concorrência aberta pela Secretária de Estado de Transportes e Obras Públicas do estado ao ofertar R$ 2,06 bilhões pelo contrato com duração de 30 anos.

08/02/2018 09h04

O Grupo Zahran, dono da Copagaz, estaria negociando uma aquisição robusta no setor de telecomunicações e mídia. Segundo informações do site de notícias goiano A Redação, a empresa sul-mato-grossense articula a compra de ativos do Grupo Jaime Câmara, principal conglomerado de comunicação no centro-norte. A transação seria avaliada em R$ 700 milhões. 

05/02/2018 11h53

Dono de um dos mais conceituados restaurantes do mundo, o chef Alex Atala se prepara para empreender no ramo hoteleiro. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, o cabeça do restaurante D.O.M. trabalha com a boutique de investimentos TAG Advisors e com a desenvolvedora de projetos imobiliários Inovalli para unir gastronomia e hospedagem na região do Jardins, área nobre da cidade de São Paulo. A estimativa é que o novo negócio movimente investimentos na ordem de R$ 160 milhões.

01/02/2018 16h39

Dentre as várias justificativas, como a ausência de uma base segura para o cumprimento do quórum exigido por lei de 3/5 dos créditos submetidos ao plano de recuperação judicial, o juiz Luiz Alberto Carvalho Alves, da 3ª Vara Empresarial do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, recusou o pedido de recuperação judicial apresentado pelas Lojas Leader. A informação foi divulgada na última sexta-feira (26) pela assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ). 

29/01/2018 16h57

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso ao Lexis 360

Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.