Três empresas atingem patamar de unicórnio em março

Elas integram grupo com mais treze avaliadas em US$ 1 bilhão neste ano

Por Isabella Miranda - redação@lexisnexis.com.br

Na penúltima semana de março, duas startups estrangeiras receberam aportes e elevaram seu status para o seleto grupo de empresas unicórnios, aquelas que atingem um valor de mercado igual ou superior ao de US$ 1 bilhão. A healtech francesa Doctolib e a Glossier, uma das maiores startups de beleza do mundo, passaram a integrar a lista que aumenta a cada dia. De acordo com informações do StartSe, a Doctolib, que oferece uma plataforma em nuvem para agendamento de consultas na França e Alemanha, recebeu um investimento de US$170 milhões em uma rodada liderada pela General Atlantic junto com os investidores Accel, Eurazeo, Kernel e Bpifrance, atingindo um valor de mercado de US$ 1,13 bilhões. Já a americana Glossier recebeu aporte de US$ 100 milhões em uma rodada série D liderada pela Sequoia Capital, que foi seguida pelos fundos Tiger Global Management, Spark Capital, Forerunner Ventures, Index Ventures, entre outros. Após o aporte a empresa passou a valer US$ 1,2 bilhões.

Ainda em março, a Chime, plataforma de mobile banking, foi avaliada em US$ 1,5 bilhão após levantar US$ 200 milhões durante uma rodada de financiamento da série D liderada pela DST Global. Juntaram-se à rodada General Atlantic, Coatue, Iconiq Capital e Dragoneer Investment Group juntamente com os investidores existentes Forerunner Ventures, Cathay Innovation e Menlo Ventures. Só nos três primeiros meses de 2019, outras treze empresas já atingiram esse patamar. Dentre elas estão a Horizon Robotics, que atua com tecnologia de inteligência artificial e foi avaliada em aproximadamente US$ 3 bilhões; a Flexport, que trabalha com gestão de transporte fretado internacional e tem valor de mercado perto dos US$ 3,2 bilhões; e a 10x Genomics, especialista em sistema de sequenciamento de genes, avaliada em US$ 1,28 bilhão.

No Brasil, algumas promessas de unicórnios são para 2019, segundo informações da Exame, são empresas como a rede Dr. Consulta, que possui clínicas particulares voltadas para as classes C e D, a Creditas, que oferece crédito tomando imóveis ou veículos como garantia, e a Loggi, que faz cerca de 3 milhões de entregas, com 10 mil moto-fretistas e motoristas de vans. 

Acesso restrito. Faça seu login ou cadastre-se agora.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes Lexis 360

Cadastre-se gratuitamente

para ter acesso por 7 dias

ou

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso ao Lexis 360

Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.