Bolsonaro indica dois novos diretores para o BC e uma para a CVM

Nomes passarão pelo crivo do Senado e uma sabatina coletiva está marcada para 26 de fevereiro

Por Gabriela Freire Valente - redação@lexisnexis.com.br

O presidente Jair Bolsonaro formalizou a indicação de dois novos diretores para o Banco Central (BC) e de uma diretora para a Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Em despacho publicado no Diário Oficial da União (DoU) de quinta-feira (14), o mandatário encaminhou para apreciação do Senado Federal os nomes de Flávia Martins Sant´Anna Perlingeiro, indicada para a CVM, de João Manoel Pinho de Mello e de Bruno Serra Fernandes, indicados para o BC.

Formado em administração pública pela Fundação Getúlio Vargas, Mello deverá chefiar a Organização do Sistema Financeiro do BC. Fernandes, economista com passagem pelo BankBoston, deve ficar à cargo da diretoria  de política monetária da instituição.

A renovação de cadeiras no BC segue a indicação de Roberto Campos Neto para a presidência do banco. A sabatina de Campos Neto foi marcada para o próximo dia 26 de fevereiro. O senador Omar Aziz (PSD-AM), eleito presidente da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) na última quarta-feira (13), deve conduzir uma sabatina coletiva que incluirá as duas novas indicações de Bolsonaro para o BC.

Acesso restrito. Faça seu login ou cadastre-se agora.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes Lexis 360

Cadastre-se gratuitamente

para ter acesso por 7 dias

ou

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso ao Lexis 360

Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.