Embraer e Boeing assinam acordo para combinação de negócios

Operação é questionada na Justiça pela Abradin

Por Isabella Miranda - redação@lexisnexis.com.br

A Embraer celebrou com a The Boeing Company os contratos definitivos para a formação de duas joint ventures com a fabricante americana. O documento intitulado "Master Transaction Agreement" contém os termos e condições para implementar a parceria estratégica no âmbito da aviação comercial, enquanto o "Contribution Agreement" se refere à joint venture para promoção e desenvolvimento de novos mercados e aplicações para o avião multimissão KC-390. A Operação será submetida à aprovação dos acionistas da Embraer em assembleia geral extraordinária marcada para 26 de fevereiro.

Em outro comunicado a empresa informou que tomou conhecimento do ajuizamento da ação civil pública pela Associação Brasileira de Investidores (Abradin) contra a empresa e a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) perante a 24ª Vara Federal Cível da Seção Judiciária de São Paulo. A ação questiona as negociações entre a Embraer e a Boeing. A companhia brasileira disse que vai adotar todas as medidas necessárias para exercer seu direito de defesa.

Acesso restrito. Faça seu login .

Este conteúdo é exclusivo para assinantes Lexis 360

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso ao Lexis 360

Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.
Campo obrigatório.